Praça Clara Arend Saft iluminada

Histórico

HISTÓRIA DA CÂMARA

O Distrito de Quinze de Novembro foi elevado à categoria de município com a denominação de Quinze de Novembro através da Lei Estadual 8.454/87 de 08 de dezembro de 1987.

Em 01 de janeiro de 1989 foi realizada à sessão solene de instalação do município de Quinze de Novembro/RS. Em seguida foi constituída a Câmara de Vereadores, com chamada nominal dos vereadores eleitos, quais sejam: Bruno Weimer Scheffler, Paulo Alberto Meinen, Valmor Jorge Schneider, Zelio Bohrz, João Guilherme Wayhs Wilke, Aércio Sieg Klaesener, Paulo Adalberto Prante, Orlando Kempf  (in memorian) e Valdir Irineu Reuter.

A Presidência da Sessão Solene foi conduzida pelo Sr. Orlando Kemp, por ser o vereador mais votado.

Após a posse dos vereadores eleitos, procedeu-se a eleição da mesa diretora da Câmara, que ficou assim constituída:

   Presidente: Paulo Alberto Meinen
   Primeiro Vice-Presidente: João Guilherme Wahys Wilke
   Segundo Vice-Presidente: Paulo Adalberto Prante
   Primeiro Secretário: Aércio Sieg Klaesener
   Segundo Secretário: Valmor Schneider

As primeiras sessões da Câmara de Quinze de Novembro foram realizadas na Sede Social da Sociedade Cultural 25 de Julho. Após, instalou-se a Sede da Câmara na Rua Dona Etelvina, nº 444, sala 02 e posteriormente na Rua Alberto Schmidt, nº 25.

Atualmente as Sessões ocorrem junto ao prédio da Prefeitura Municipal de Quinze de Novembro, situado na Rua Gonçalves Dias, n º 875.

Confira a primeira Ata da Câmara de Vereadores de Quinze de Novembro:


ATA N° 01/89 SESSÃO SOLENE DA CÂMARA DE VEREADORES

Ao Primeiro dia do mês de Janeiro do ano de um mil, novecentos e oitenta e nove, às nove horas, deu-se inicio à sessão solene de instalação do Município de Quinze de Novembro, estado do Rio Grande do Sul, criado pela Lei Estadual número 8454 (oito mil, quatrocentos e cinquenta e quatro) de oito de dezembro de um mil, novecentos e oitenta e sete. O orador da sessão Solene convocou para assumir a Presidência da sessão o senhor Orlando Kempf por ser o vereador mais votado, conforme termos do artigo catorze da Lei Orgânica do Município sucedido. Isto Posto, foi constituída a mesa com a chamada dos vereadores eleitos, pela ordem, os senhores Bruno Weimer Scheffler, Paulo Alberto Meinen, Valmor Jorge Schneider, Zélio Bohrz, João Guilherme Wayhs Wilke, Aercio Sieg Klaesener, Paulo Adalberto Prante e Valdir Reuter, que efetuaram a entrega ao presidente da sessão Solene Diplomada e a declaração de Bens. Aberta a solenidade de instalação do município de Quinze de Novembro o senhor Orlando Kempf pronunciou perante os presentes as seguintes palavras de juramento: "Prometo cumprir e fazer cumprir a Lei Orgânica, as Leis da União, do Estado e do Município, exercer o meu Mandato sob a inspiração do patriotismo, da lealdade, da honra e do bem Comum." Após este juramento os vereadores se dirigiram a mesa do presidente da sessão solene e um a um, com o braço direito levantado falam "Assim o Prometo" e assinam o livro de Termo de Posse, isto posto, o presidente declarou empossados os Edis e suspendeu a sessão por quinze minutos para a eleição da mesa da Câmara. Durante estes quinze minutos foi apresentado apenas uma chapa com as indicações que seguem:  Presidente: Paulo Alberto Meinen; Primeiro vice-presidente: João Guilherme Wilke; Segundo vice-presidente: Paulo Adalberto Prante; Primeiro Secretário: Aercio Sieg Klaesener; Segundo Secretário: Valmor Schneider, sendo aprovada esta composição por nove votos a favor. Reaberta a sessão assumiu os trabalhos o senhor Paulo Alberto Meinen, Presidente da Câmara, eleito, convidando as autoridades presentes senhores Asdrubal Silveira Correa, oficial do cartório local, Telmo Wayhs, presidente do Conselho de Desenvolvimento de Santa Clara do Ingaí, Zélio Rauch, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais a fazerem parte da mesa. Feito isso, o senhor Paulo A. Meinen convocou o vice-prefeito, senhor Ildemar Güntzel e o prefeito, senhor Lothario Almiro Tiemann que após a entrega do diploma e declaração de bens efetuaram o seguinte juramento: "Prometo cumprir e fazer cumprir a Lei Orgânica, as Leis da União, do Estado e do Município, promover o bem coletivo e exercer o meu Mandato sob a inspiração do patriotismo, da lealdade, da honra". Dada a posse foram convidados a fazerem parte da mesa. A seguir o presidente da Câmara convidou as cento e vinte e duas pessoas presentes para cantarem o Hino Nacional. Após, o senhor Paulo Alberto Meinen falou sobre o mandato dos vereadores que juntamente com o povo hão de trabalhar pela grandeza do município de Quinze de Novembro, colocando a palavra a disposição do vice-prefeito, senhor Ildemar Güntzel que cumprimentou a mesa, digo, as autoridades presentes, o prefeito, os vereadores e demais presentes. Agradeceu o apoio recebido durante a campanha de emancipação do povo de Quinze de Novembro, dos Deputados, do Governador do Estado. Após fez uso da palavra o prefeito, senhor Lothario Almiro Tiemann que em rápidas palavras deu seu agradecimento a todos aqueles que deram o seu apoio a emancipação, se colocando a disposição de todos, e , trabalhar pelo bem estar e desenvolvimento do município. Isto posto, o senhor Paulo A. Meinen, agradeceu a presença de todos nesta solenidade e, com a permissão do poder executivo convidou a todos para conhecerem as modestas instalações da Prefeitura, dando por encerrada a sessão Solene de Instalação do município de Quinze de Novembro a qual foi lavrada e vai assinada por mim e pelo presidente.

Quinze de Novembro, 01 de Janeiro de 1989.

« Voltar